Make your own free website on Tripod.com
 
Aracnídeo
                   
  
Mershandeiser | Curiosidades | Bibliografia dos atores | A Origem | Dados do Personagens | Os Criadores | O filme | Jogos | Download | Acessórios | Saga do Clone | Música | Link's Favoritos | inimigos 1ª parte | inimigos 2ª parte | Inimigos 3ªparte | Inimigos 4ª parte | Amigos 1ª parte | Amigos 2ª parte | Amigos 3ª parte | A Família Parker | Uniformes 1ª parte | Uniformes 2ª parte | A LENDA VIVA

Home

  
                   
  
 Os Criadores 
  
 

aranha2_g.jpg

Stanley Martin Lieber nasceu em 28 de dezembro de 1922, na cidade de Nova York. Entrou na Marvel (então ainda chamada de Timely) aos 17 anos, como assistente editorial, e lá conheceu Joe Simon e Jack Kirby. Com a saída de Simon da editora, Lee assumiu provisoriamente o posto de editor, até a época em que se alistou no exército. Após sua baixa, voltou à editora, onde assumiu várias funções, de diretor de arte a roteirista-chefe. Junto a Kirby, Lee criou em 1961 o universo de super-heróis da Marvel, iniciado com o lançamento do número um da revista Fantastic Four. Nos anos seguintes os dois revolucionariam o mercado de quadrinhos, criando histórias com personagens carismáticos que tinham problemas mais parecidos com os do dia-a-dia. Entre os destaques estão o Homem-Aranha, o Hulk, o Surfista Prateado e os X-Men, que hoje são ícones da cultura popular. O Surfista, particularmente, se tornou um dos maiores heróis da contra-cultura americana, com seus roteiros repletos de filosofia e idéias que contestavam as atitudes da sociedade moderna. Desde o início da década de 70, Lee tem tido uma participação cada vez menor na criação de histórias na Marvel, eventualmente escrevendo algumas histórias ou criando personagens, como Ravage 2099. Atualmente, além de escrever as tiras de jornal do Homem-Aranha, ele é o responsável por supervisionar as adaptações de personagens da Marvel para TV e cinema. A maior contribuição de Stan Lee aos quadrinhos da editora, no momento, é sua coluna semanal "Stan's Soapbox", que aparece em todos os títulos regulares da editora: de Amazing Spider-Man a Uncanny X-Men. Que, aliás, foram criados por ele mesmo.

aranha2_g.jpg

Steve Ditko
Vamos esclarecer de uma vez: o desenhista Steve Ditko, nascido na cidade de Johnstown, no estado da Pennsylvania em 2 de novembro de 1927, não foi o co-criador do Homem-Aranha, como muitos acreditam. Quem ajudou Stan Lee a bolar o visual do personagem foi o eterno e lendário Jack Kirby, que não pôde assumir a tarefa de desenhar a origem do Aranha na revista Amazing Fantasy número 15, de agosto de 1962, porque já estava muito ocupado desenhando praticamente todo o resto do universo Marvel. Mas sem dúvida foi Ditko (se pronuncia Dico) o responsável pelo grande sucesso em que o herói se tornou, definindo o visual de Peter Parker e dos outros personagens secundários, como a Tia May, J. Jonah Jameson, Duende Verde e Dr. Octopus. Estudante da Cartoonist and Ilustrators School, de Nova Iorque, Ditko foi trabalhar, em 1956, para uma das maiores editoras de quadrinhos da época, a Charlton. Ali ele desenhou o elogiado título Tales of the Mysterious Traveler, que começou a lhe render muito prestígio. Foi na Charlton também que ele criou o famoso personagem Capitão Átomo, que mais tarde se tornaria membro importante da Liga da Justiça, após a DC ter comprado os direitos sobre o personagem. No final dos anos 50, ele se transferiu para a Marvel, onde desenhou inúmeras histórias para os títulos de terror da editora, como Tales of Suspense, Amazing Adventures e Journey into Mystery. Mas, como foi dito, foi seu trabalho na revista Amazing Spider-Man que o transformou num astro, respeitado até hoje. Após ajudar também a criar o Dr. Estranho, Ditko saiu da Marvel em 1966 e passou a trabalhar como freelancer para várias editoras, incluindo a DC. No começo dos anos 80 ele voltaria a Marvel, arte-finalizando revistas como Rom e Indiana Jones. Saiu da editora em 1990 e passou algum tempo na Valiant em 1992. Steve Ditko é um dos mais reclusos artistas que já viveram (tente achar sua foto em algum lugar! É uma tarefa dificílima, mas nós conseguimos. A foto é um pouco velha, mas é ele!) e embora seja admirado por quase todos os amantes dos quadrinhos, atualmente encontra-se semi-aposentado.

 
  
 

aranha2_g.jpg